Como dividir o quarto com o bebê mantendo a sua individualidade

Logo que descobrimos uma gravidez começamos a sonhar com o quarto do bebê e a fazer planos para criar um ambiente estimulante e acolhedor para receber o pequeno. Mas o que devemos fazer quando nossa única opção é dividir o quarto com o bebê ?

Um dos grandes desafios em ter o cantinho do bebe no quarto dos pais é distribuir móveis e acessórios mantendo o ambiente do quarto organizado e com boa área de circulação. Outra grande questão é como conseguir compartilhar o quarto sem sentir-se dentro de um berçário e ainda manter sua individualidade.

Para lhe ajudar a resolver este desafio elaborarmos abaixo 4 dicas simples e práticas com este objetivo.

No final deste artigo tem dois vídeos interessantes sobre o assunto.

Primeira dica para você conseguir compartilhar o quarto com o seu bebê: Faça uma lista dos móveis

Faça uma lista dos móveis presentes no quarto, defina a função de cada um e marque aqueles que são essenciais. Móveis não essenciais devem ser transferidos para outro cômodo ou vendidos (o dinheiro arrecadado ajudará na compra de novos).

Segunda dica: Crie um layout simples (muitas vezes menos é mais…)

Prosseguindo no nosso projeto que chamaremos de  “cantinho do bebê no quarto dos pais – ou da mãe ;o)”, meça as dimensões do quarto, dos móveis essenciais e dos que irá adquirir (não compre os móveis do bebê antes de ter certeza que caberão no quarto).

Em seguida, faça um desenho do quarto e distribua os móveis. O berço  deve ficar longe de janelas e correntes de ar (lembre-se da rede nas janelas). Abuse da criatividade, faça desenhos com todas as disposições possíveis até decidir qual é a melhor. Existem alguns programas para isto,  gosto muito do Floorplanner,  é fácil e gratuito.

Visite nossa Loja Virtual

Terceira dica: Crie soluções

Dividir o quarto com o bebê também requer criatividade. Caso tenha feito o layout do quarto e os móveis que desejava não couberam no espaço, não se desespere, o mais importante é que tenha conseguido colocar o berço. Se o espaço do quarto não for suficiente para a cômoda ou a poltrona de amamentação, não se preocupe, elas não são tão essenciais assim… Organize um espaço no guarda-roupas para as roupinhas do bebê.

Para ganhar mais espaço ao dividir o quarto com o bebê , você pode fazer armários no alto das paredes ou gavetas baú que se encaixem debaixo da cama. Essas gavetas não precisam ser feitas por marcenaria, existem soluções práticas no mercado. Utilize esses novos espaços para guardar cobertores, travesseiros, roupas de outra estação etc. Para troca das fraldas, utilize uma almofada de troca em cima da cama ou adquira um trocador que se encaixe nas grades do berço.

Para deixar as fraldas à mão, use porta-fraldas pendurado nos pés do berço e para apoiar os itens de higiene você pode usar uma bandeja sobre um criado ou banquinho. Para tudo se dá um jeito, é só se organizar. Na hora da amamentação, utilize uma poltrona ou o sofá da sala…

Quarta dica para adaptar o quarto do bebê com o do casal – ou da mãe: Comece a pensar em itens de decoração

Após definir a posição do berço, comece a pensar em itens de decoração que identificarão o cantinho do pequeno. Você pode utilizar os adesivos e papéis de parede (confira os Adesivos para quarto de bebê e Kit Higiene Bebe Mimo Infantil), letras em MDF para formar o nome, quadrinhos de parede, porta retratos com fotos do bebê, nichos etc… É só usar a criatividade… Só não exagere.

Em ambientes pequenos ou com mais de uma função “o menos é mais”, além disso, quanto mais enfeites, mais lugar para acumular poeira – ainda mais que irá dividir com um bebê.

Se for renovar a pintura das paredes use cores neutras, assim ficará adequado para a mamãe e para o bebê. Deixe as cores fortes para os acessórios que farão a identidade de cada espaço dentro do quarto.

Lembrete: não se deve encher o berço com itens de decoração; utilize no máximo almofadas protetoras laterais. Dentro do berço não se deve deixar mantas, almofadas, bichos de pelúcia, cordas etc… esses itens podem causar sufocamento do bebê.

Concluindo

Siga as seguintes etapas para dividir o quarto com o bebê :

(1) defina os móveis essenciais

(2) posicione o berço

(3) crie o layout que for possível

(4) ganhe espaço nos armários e monte o cantinho do bebê

Visite nossa Loja Virtual

Veja este berço de acoplar que ainda serve como mesinha infantil quando não for mais ser usado como berço.

Berço de aclopar 3

Berço de aclopar Berço de aclopar 2Mais detalhes AQUI

Lembre-se: no “mercado da maternidade” existem muitas “coisas lindas”, quase ficamos loucas querendo comprar tudo, use bom senso, muitos desses produtos são comprados e nem são usados. O importante é ter o essencial e não se preocupar se irá dividir o quarto com o bebê da maneira perfeita, concentre-se em montar um cantinho aconchegante para o bebê.

Dois vídeos interessantes sobre o assunto:

Visite nossa Loja Virtual

A loja que a Emanuelle falou no vídeo é a TRICAE: ACESSE AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *